quarta-feira, 27 de maio de 2009

Museus na Bélgica


São dois. Um abre dia 2 de Junho nos arredores de Bruxelas: o Museu Hergé, integralmente dedicado ao criador de BD, evocando imagens e referências das aventuras do de Tintin, criado em 1929 e também a vida e obra do escritor, num edifício desenhado por Christian de Portzamparc.
Outro abrirá também portas e estará situado na Place Royale: o Museu Magritte, integralmente dedicado ao pintor surrealista belga, integrando cerca de 200 telas, 50 fotos e 15 outros objectos da sua arte. Inclui ainda no seu arquivo perto de 100 documentos e 40 filmes, 8 dos quais permanentemente pojectados na exposição.

Yeah Yeah Yeahs - Heads Will Roll

terça-feira, 26 de maio de 2009

Andrew Bird ou a inspiração do mundano


Tem nome de pássaro, é um facto. E podemos dizer que prima de um sentido de concentração no que o rodeia maior que uma ave de rapina. Foi assim que Andrew Bird entrou pelo Grande Auditório do Cinema S. Jorge, em passos envergonhados,m de fato e esboçando no ar um aceno, descalçando-se e tirando as botas para trás. Começa por gravar como é hábito os vários troços de violino, xilofone, assobios e guitarra no amplificador para usar mais tarde o seu sistema de pedais e reproduzir nas músicas as várias partes, formando assim uma orquestra, quando na verdade apenas se trata de um só único artista. Como cenário há uma grafonola gigante com duas cabeças, que roda nos momentos de interlúdio entre as músicas, assim com oa iluminação se adensa, tornando a atmosfera etérea. Bird veio fazer uma visita a este país que considera tão amigável para apresentar o mais recente álbum "Noble Beast", do qual foram tocadas músicas como "Oh No", "Tenuousness" que refere Lisboa na sua letra, "Fitz & Dizzyspells", o momento segundo ele "mais rock n'roll da noite, que era o tipo de música que ouvíamos quando éramos jovens", "Anonanimal" "Natural Disaster" e "Effigy", que se revelou para mim como o ponto alto da mestria deste senhor de Illinois. Um grande momento aguardado foi "A Nervous Tick Motion of The Head To The Left" do álbum "The Misterious Production of Eggs", de onde também foram interpretadas músicas como "Tables and Chairs", encore do concerto, "Sovay" e "Masterfade". Curiosamente, Andrew não explorou o álbum que até agora lhe valeu mais prémios e fama "Armchair Apocrypha". Dele apenas retirou as instrumentais "The Supine" e "Yawny At The Apocalypse". Contudo, não poderia faltar "Dark Matter", que nos surge numa versão um pouco diferente, entenda-se, misturada com "Sweet Breads", o que segundo o compositor surge de uma semelhança ideológica no sentido das palavras da letra, gerando algo como "Sweet Matter". "The Giant of Illinois", da compilação "Dark Was The Night" também não faltou e sentindo saudades de casa, Andrew resgata "Some of These Days" de "Thrills" (1998). Não poupou o país a elogios, nomeadamente no toca à hospitalidade. Entre palavras inteligentes, tom humorístico e um pouco de embaraço, manteve alguns monólogos com o público, quer para comentar algo que pensava acerca de factos e locais do quotidiano, quer para se desculpar e fazer um juízo autocrítico sobre erros menores que afirmava ter cometido. Foi um óptimo espectáculo. Terá sido inevitável não sorrir perante tal "ave" rara. O espectáculo da coordenação e da complementação dos vários troços que grava em simultaneidade com a música que toca e canta com por vezes 3 instrumentos diferentes, pode afirmar-se: os génios existem, e a sensibilidade pode fazer parte do seu leque de atributos.
video
"Effigy"

segunda-feira, 25 de maio de 2009

Festival Internacional de Cannes - Vencedores

Foi grande a noite em Cannes. Das Weisse Band (O Laço Branco), de Michael Haneke, foi o vencedor da Palma de Ouro da 62º edião do festival de cinema, cujo júri foi presidido por Isabelle Huppert. O filme vem debrulçar-se sobre acontecimentos estranhos numa escola rural do norte da Alemanha no ano de 1913, onde a problemática da relação do ensino com o fascismo é posta em causa. "Arena", curta portuguesa de João Salaviza, ganhou a Palma de Ouro da secção de curtas-metragens, prémio atribuído por um júri presidido por John Boorman.
Aqui está um intervista com Haneke:


PALMA DE OURO
Das Weisse Band, de Michael Haneke (Alemnha)

GRANDE PRÉMIO
Un Prophète, de Jacques Audiard (França)

PRÉMIO EXCEPCIONAL DO JÚRI
Alain Resnais

INTERPRETAÇÃO FEMININA
Charlotte Gainsbourg, em Antichrist, de Lars von Trier (Suécia)

INTERPRETAÇÃO MASCULINA
Christoph Waltz, em Inglourious Basterds, de Quentin Tarantino (EUA)

REALIZAÇÃO
Brillante Mendonza, por Kynatai (Filipinas)

ARGUMENTO
Mei Feng, por Spring Fever, de Lou Ye (Chinaa)

PRÉMIO DO JÚRI (ex-aequo)
Fish Tank, de Andrea Arnold (Reino Unido)
Thirst, de Chan Wook-Park (Coreia do Sul)

PRÉMIO VULCAIN/Comissão Superior Técnica da Imagem e do Som
Aitor Berenguer, técnico de som de Map of the Sounds of Tokyo, de Isabel Coixet (Espanha)

-CURTAS METRAGENS

PALMA DE OURO
Arena, de João Salaviza

MENÇÃO ESPECIAL
The Six Dollar Fifty Man, de Mark Albiston e Louis Sutherland (Nova Zelândia)

-CÂMARA DE OURO

CÂMARA DE OURO
Samson and Delilah, de Warwick Thornton (Austrália)

MENÇÃO ESPECIAL
Ajami, de Scandar Copti e Yaron Shani (Israel/Alemanha)

- "UN CERTAIN REGARD"

PRÉMIO ‘UN CERTAIN REGARD’ – Fondation Groupama Gan pour le Cinema
Dogtooth, de Yorgos Lanthimos (Grécia)

PRÉMIO DO JÚRI
Police, Adjectiv, de Corneliu Porumboiu (Roménia)

PRÉMIO ESPECIAL DO JÚRI(ex-aequo)
— No One Knows About Persian Cats, de Bahman Ghobadi (Irão)
— Le Père de Mes Enfants, de Mia Hansen-Love (França)

Scarlett como Brigitte


Chama-se Break Up e será editado em Setembro próximo. Tem como autores Scarlett Johansson e Pete Yorn e foi gravado em 2006, precedendo o primeiro álbum da actriz. Terá sido inspirado pelos duetos de Serge Gainsbourg com Brigitte Bardot no final dos frutuosos anos 60. O esqueleto do álbum é formado por 8 originais da autoria de Pete Yorn e uma versão de I Am The Cosmos, de Chril Bell.

quinta-feira, 21 de maio de 2009

segunda-feira, 18 de maio de 2009

domingo, 17 de maio de 2009

Bookcrossing em Lisboa

A iniciativa foi criado em 2001 por Ron Hornbacker, programador de sotfware americano, como uma simples forma de rastrear livros através da Internet, transformando-se rapidamente num fenómeno global, excedendo compaletamente a sua premissa inicial. Agora, com mais de 600 000 leitores de 130 países diferentes e mais de 4 milhões de livros registados em todo o mundo, o Bookcrossing começa a ser mais divulgado em Portugal, nomeadamente em Lisboa, com a feira do livro, que hoje termina. Em territórios lusosm, conta com mais de 8000 membros, pelo que é uma das maiores comunidades da Europa e a décima em termos mundiais.

De cafés a bibliotecas, escolas a serviços públicos, ruas, jardins, shoppings ou até na praia, a iniciativa consiste em encontrar o livro, lê-lo, comprovar-se que se leu, adicionando o nome e no final, simplesmente libertá-lo, para que possa ser lido por outra pessoa. Rege-se assim por 3 R's:
Read Ler um bom livro.
Register Registar. Criar um diário para esse livro, dar-lhe um número de identificação (BCID) e colar-lhe uma etiqueta.
Release Libertá-lo, para que possa ser encontrado por outra pessoa, recebendo uma notificação por email cada vez que o livro for encontrado e uma mensagem deixada no seu diário.

Se encontrar um livro perdido por Lisboa, não se admire, verifique se tem a etiqueta do Bookcrossing e aproveite para lê-lo e deixá-lo num sítio qualquer no final, para que a experiência possa ser repetida com outro cidadão.

sábado, 16 de maio de 2009

Noite dos Museus

O mês de Maio tem sido nos últimos anos associado aos museus devido à celebração do Dia Internacional dos Museus dia 18). Em 2009, a Fundação Arpad Szenes - Vieira da Silva, propõe um cartaz muito elucidativo para a Noite dos Museus, em que diversas instituições pelo mundo abrem as portas à noite para os visitantes sob a promessa de várias actividades:

Com as celebrações do Dia Internacional dos Museus, iniciativa do ICOM (Conselho Internacional de Museus da UNESCO) que este ano tem o tema "Museus e Turismo", os Museus e Palácios do IMC assim como os Museus da Rede Portuguesa de Museus proporcionam aos visitantes actividades de dinamização cultural criativas, pluridisciplinares e transversais, que estimulem o conhecimento e a aproximação dos diferentes públicos aos patrimónios e regiões dos Museus e Palácios, com vista ao desenvolvimento sustentável do turismo nestes locais. Os programa inclui visitas orientadas às exposições, inaugurações de novas exposições, conferências, palestras e debates, concursos, oficinas pedagógicas, jogos, projecção de filmes, espectáculos de teatro, concertos, animações de rua e desfiles.
Para tal, basta informar-se num museus próximo de si.

adaptado de Guia da Cidade

Guimarães Capital Europeia da Cultura


A cidade "berço de Portugal" foi designada para Capital Europeia da Cultura em 2012, a par com a cidade eslovena de Maribor.

quinta-feira, 14 de maio de 2009

Ciclo de Jorge Silva Melo


A partir de hoje, a Cinemateca apresenta um ciclo de documentários realizados por Jorge Silva Melo. Algumas das obras em destaque serão "Álvaro Lapa: A Literatura" (dia 18, 22h) ou "António Palolo..." (dia 20, 19:30h). O final é assinalado com "Conversas com Glicina e Bartolomeu Cid dos Santos: Por Terras Desvastadas" na sexta-feira dia 22, pelas 19:30h.

terça-feira, 12 de maio de 2009

The Killers - A Dustland Fairytale

A banda de Las Vegas apresenta o novo single no programa Late Show de Letterman, com direito a orquestra.

segunda-feira, 11 de maio de 2009

Concerto-surpresa de Doherty em Lisboa


O conceituado músico e poeta Pete Doherty, vocalista/guitarrista dos Libertines e Babyshambles, conhecido pelo seu consumo alargado de substâncias menos próprias, anunciou um concerto-surpresa hoje em Lisboa pelas 22:30h no MusicBox, no Cais do Sodré. O preço de entrada serão apenas 8€ com direito a consumo de 2€.

sábado, 9 de maio de 2009

World Press Cartoon - Sintra 2009


A edição de 2009 do Sintra World Press Cartoon poderá ser vista até dia 14 de Junho no Museu de Arte Moderna de Sinra, de terça-feira a domingo, com entrada livre, entre as 10h e as 18h.

sexta-feira, 8 de maio de 2009

"Ruínas" vence IndieLisboa 2009


O documentário de Manuel Mozos acerca de espaços abandonados como as Torres implodidas da Torralta de Tróia, diversas fábricas, salas de cinema e teatro ou escolas pelo país ganhou o prémio de Melhor Longa Metragem Portuguesa no IndieLisboa 2009.
Como vencedor major do festival de cinema independente temos Ballast do norte-americano Lance Hammer.

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Peter, Björn and John em Portugal


O trio sueco, que acompanha os Depeche Mode em digressão, irá estar a cargo da abertura do seu concerto também no Festival Super Bock Super Rock no Porto, dia 11 de Julho. Para além das duas bandas, nesse dia actuam também os franceses Nouvelle Vague

segunda-feira, 4 de maio de 2009